Topo3.gif

 Notícias

  TRÊS CORAÇÕES GANHA UM CAP (CENTRO DE APOIO PEDAGÓGICO PARA DEFICIENTES VISUAIS)

Devido ao brilhante trabalho que vem sendo realizado pela Secretaria de Educação através do AEE que mantém atendimento especializado para 108 alunos com deficiência na Rede Municipal, Três Corações recebeu do MEC o título de Município Referência em Educação Inclusiva e acaba de fechar um convênio para aquisição de um Centro de Apoio a Alunos com Deficiência Visual que irá produzir os livros em Braille para seus alunos e para a região do Sul de Minas.

 

As ações do projeto de produção do livro acessível a alunos com deficiência visual têm por objetivo ampliar e aprimorar a acessibilidade nos programas de livro do MEC, visando assegurar aos alunos matriculados em escolas públicas de educação básica, o pleno acesso e participação em condição de igualdade com os demais alunos.

 

Junto com o CAP está sendo criado em parceria com o Estado de Minas Gerais um Núcleo de Capacitação em Deficiência Visual que irá trazer para Três Corações cerca de 90 professores ao mês de toda região do Sul de Minas para se capacitarem.

 

Para a Secretária de Educação Márcia Teresa de Abreu Coelho esse título é a consagração de um árduo trabalho da Administração Municipal que vem batalhando muito para levar Educação de Qualidade para todos os cidadãos tricordianos independente de suas limitações. Em 2009 o município alfabetizou alunos cegos e com baixa visão em Braille, preparou professores para receberem esses alunos nas salas de aula e ofereceu curso de mobilidade para cegos para os funcionários das escolas e de todas as Secretarias da prefeitura para que possam estar atendendo corretamente essas pessoas promovendo assim uma cidade acessível. Márcia afirma ainda que as ações não param por aqui, que já está previsto para o mês de maio um grande Seminário de Educação Inclusiva em Três Corações que irá receber gestores de 69 municípios de Minas Gerais durante uma semana inteira para estarem aprendendo com nossa experiência,  tudo isso sendo financiado pelo Ministério de Educação.


 

Publicado em 19/2/2010